segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

BC Papeando com "Azamigas" - Creche, babá ou casa da Vovó?

Com um dia de atraso (pois deveria ter postado ontem) mas não deixando de atender ao pedido da querida Ly do Blog Nossos dias nossa espera, a mas nova mamãe do pedaço! e que me indicou para sugerir o tema da nossa BC da semana. Segue abaixo o assunto escolhido:

 Como pretende fazer (ou como fez) no fim da sua licença maternidade? Deixar o baby na creche, com a babá ou na casa da vovó (ou com outro parente)? Pretende parar (ou parou) de trabalhar? Qual acredita ser a melhor decisão a tomar, mesmo que não seja possível para você realizá-la?

Bom meninas, comigo aconteceu da seguinte forma... A principio, eu e meu marido não tinhamos o desejo de colocar nosso filho em uma creche, pelo fato de ele ser muito pequenininho. Também não tínhamos como deixá-lo com uma das avós (paterna ou materna), pois as duas moravam um pouco distante de nós. Então, faltando 1 mês para o  fim da minha licença, conseguimos uma pessoa de confiança (o que foi bem difícil de encontrar...difícil mesmo..) para ficar como babá do meu pequeno príncipe. Contratei ela propositalmente um tempo antes do meu retorno ao trabalho, pois queria que ele se acostumasse com sua presença e cuidados estando comigo por perto. Graças ao Pai Celestial deu tudo certo, ele se apegou bastante a ela e eu fique super tranquila e segura para retornar ao trabalho.


Contudo...o tempo passou e nós percebemos que as necessidades do meu filho haviam mudado...Ele queria brincar, correr, pular, chorava para ir na rua (e olha que só tem 1 ano e 5 meses!...risos) e o meu apartamento, na verdade, é um apertamento...kkkk...Ou seja, ele precisava de espaço, de atividades, de ter outras crianças ao seu redor...enfim, decidimos então coloca-lo em uma creche. Pesquisamos algumas próximas de casa e por fim optamos por uma que parece uma fazendinha, uma graça, eles possuem poucos bebês na turminha do berçário para 2 cuidadoras. Lá as crianças tem muitas atividades, acesso a diferentes tipos de animais, horta, bastante espaço para brincar no campo... Tudo que desejávamos: Espaço, atividades e contato com a natureza.

 Estava tudo indo muito bem, dispensamos a babá e deixamos ele em adaptação na nova creche. Contudo, na última sexta-feira ele chegou em casa com uma grande mordida no braço, e eu fiquei desesperada :(...Parece que estava sentindo a dor que meu filho sentiu. Todos me dizem que é normal, que criança é assim mesmo, mas, para mim esta sendo bem difícil aceitar. De forma nenhuma estou chateada com a criança que o mordeu, pelo contrario, entendo que criança faz este tipo de coisa, que é uma fase...A minha tristeza é pensar em como as cuidadoras lidaram com esta situação, se não estavam vendo o que estava acontecendo e, principalmente, como acudiram meu filho após a mordida, pois imagino que ele deva ter chorado muito e eu não estava lá para consolá-lo...  :(

Confesso que agora encontro-me com uma grande dúvida sobre mantê-lo ou não na creche, todavia, estou orando muito ao Pai Celestial para  mostrar o que devo fazer. Além disso, sei que sendo neste momento ou futuramente ele terá de passar por situações desagradáveis em sua vida...e que aprenderá a se defender dê-las...

 Sobre deixar de trabalhar, já desejei muito isto, principalmente quando estava para terminar minha licença maternidade, porém, agora não mais. Gosto muito do meu trabalho, das pessoas, do ambiente...então sei que ficaria muito infeliz se perdesse isto, mesmo sendo por uma boa causa (Ficar com meu filho em tempo integral). Mas respeito muito, muito mesmo, as mulheres que optam por esta decisão.

Sobre qual acredito ser a melhor decisão, realmente, creio que não existe uma certa ou errada. O importante é que o baby fique bem e a mamãe tranquila e segura sobre a decisão que tomou.

Então é isto meninas, para terminar, seguem algumas fotos do meu pequeno príncipe na creche (Fotos tiradas pelas cuidadoras da creche e encaminhadas para mamãe).

E ah...não deixem de contar como foi ou como será com vocês e seus babys em seus respectivos Blogs...

Passo a bola para a amiga Dayanne Vargas , do Blog O mundinho da Day para escolha do próximo tema. http://omundinhodaday.blogspot.com.br/

Bjks da Lidi

25 comentários:

  1. Inicialmente penso em deixar com minha mae...ela mora bem proximo.Nunca pensei em creche exatamente pelo que aconteceu com seu filhote...fico pensando em como a criança fica...se esta mesmo bem cuidada..essas coisas de mae
    Para de trabalhar eu ate gostaria...masss nao posso me dar este luxo rsrsrs

    Qto a indicação,eu agradeço mto por se lembrar de mim.
    Mas parece que tem que se inscrever no blog de uma das meninas pra poder participar ..e eu nao fiz isto pq dos mtos dos temas que surgiam antes eram bem direcionados a gravidas rsrs,por isso nao tenho participado.
    Mas agradeço mto a indicação viu...
    Bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nise, assim como você, eu também gostaria muito de poder deixá-lo com minha mãe, mas é complicado, pois ela mora um pouco afastada...´Mas é uma situação complicada, não é verdade?

      Excluir
  2. Ah tadinho!!!
    Imagino o seu susto de ver uma mordida nele!
    Menina, eu penso muito nisso com quem, onde deixar!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fer, foi sim um baita susto...É bom sim já ir começando a pensar em como fará...
      Bjins

      Excluir
  3. Oieee...nossa que tema difícil!! Já sofro com antecedência!! Bom, vou desenvolver meu post, depois dê uma passada lá pra ver!

    Bjos
    Carol

    http://derepentequerosermae.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Carol, pode deixar que passo lá para ver seu post.
      Bjks

      Excluir
  4. Oi Lidi... ai que tema complicado heim rsrs...

    Lembrei do meu afilhado, ele já tem 7 anos, mas quando ficava na creche ele voltou com mordidas 2 vezes, uma no peito e outra na bochecha, mas foram mordidas daquelas que ficam roxas e depois verdes, nunca tinha visto uma coisa dessa... meu irmão e minha cunhada ficaram revoltados, e as duas vezes foram até no conselho tutelar, fizeram boletim de ocorrência e nada foi resolvido, era creche da prefeitura, então se ela fosse tirar, teria que pagar e na época não tinha como... mas depois disso sei que ela tinha medo de deixar ele, e pediu para as tias deixarem ele longe do menino que mordeu... mas enfim, ele ficou na creche até época de ir pro jardim e nada aconteceu... a mãe do menino até foi chamada pela direção mas não fez nada...
    É uma situação bem complicada...

    Bjos..
    Ly
    http://nossosdiasnossaespera.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Ly, que história em...acho que teria ficado louquinha se estivesse no lugar da sua cunhada...Que dó do seu sobrinho..Realmente é uma situação complicada.

      Bjs

      Excluir
  5. Oi
    Desculpe,nao fui clara ne rsrsrs nao irei participar pq nao gostaria de me comprometer com as postagens e depois surgir um tema mais complicado pra eu opinar,rsrs
    bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem problemas Nise, já até mudei a indicação na postagem.
      Bjks!

      Excluir
  6. Eu vou parar de trabalhar quando Liz nascer, mas se caso não fosse eu só sei que estaria num dilema quanto a isso, não gosto nem pensar rsrs.
    Escolinha é muito para o desenvolvimento deles, mas tem dessas né?

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Bruna, acho que qualquer opção terá algum probleminha..seja creche, babá ou casa da vovó, sempre terá alguma coisinha que irá nos desagradar..Paciência, né!
      Bjks

      Excluir
  7. Lidi, querida, eu desprezo totalmente a ideia de ter uma babá...Questão pessoal mesmo, vou contar lá no blog quando responder a BC.
    Pretendo deixar na creche mesmo...e continuar trabalhando.
    Beijos

    http://projetonossobebe.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já vi a história lá no seu blog...vc tem toda razão de não gostar de babás..muito triste :(
      Bjks da Lidi

      Excluir
  8. nossa e uma decisão bem dificil
    minha filha ficou na creche desdo 3 meses meu coração
    sempre doeu
    mas sempre quis poder ficar em casa com ela
    bjos

    http://tpmamoretc.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sei bem o que é sentir o coração doer Thais..também sinto isso todos os dias...ser mãe é conviver com a culpa, já entendi isso.. :(
      Bjks da Lidi

      Excluir
  9. No comecinho penso em deixar com as vovós sim, rs. Depois penso direitinho!

    http://antesdopositivo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que a vovó poderá cuidar Nathy! Vc viu que no meu caso não foi possível :(
      Bjks

      Excluir
  10. Ai, entendo bem você, fico imaginando como ficaria em uma situação como esta, mas Deus vai te dirigir para o melhor.
    Meu filho ficou com minha mãe até os 2 anos e meio, na verdade com minha mãe e meu marido que trabalha a noite, com esta idade, coloquei ele na escolinha mas somente meio turno, pra ele ter este contato com crianças, não passei por situação assim, mas porque Kemuel já entrou em tamanho que sabe se defender, mas sei que isso é comum entre as crianças, mas também ficaria bem chateada.

    Beijos

    Quézia Silva
    http://kemuelpresentededeus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que as coisas aconteceram de forma tranquila com vc Quézia! Minha sobrinha também entrou na creche maiorzinha e adorava, exatamente pelo fato de poder brincar com outras crianças.

      Bjks

      Excluir
  11. Muito difícil né amiga
    mais estarei orando contigo para que consiga tomar
    a melhor decisão e tudo vai dar certo

    Linda Noite
    beijokas da Nanda

    Mamãe de Duas
    Google+Nanda

    ResponderExcluir
  12. Oi flor, então, nem pequeno ficou quase um ano com minha mãe e agora ele vai para a creche tbm tenho medo do que pode vir a acontecer mas preciso trabalhar mas se caso for preciso irei largar o trabalho espero que não pois assim como vc adoro trabalhar!! Mas vai dar tudo certo..
    Beijos
    http://meu-pequeno-guilherme.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai dar tudo certo sim Bárbara! Temos que ter pensamento positivo, não é verdade?
      Bjks

      Excluir
  13. casa da vovó seria minha primeira opção mais como minha mãe trabalha vai ficar difícil rsrs.Então creche seria mais viável pra mim

    bjos

    ResponderExcluir

Gostou? Se desejar, faça um comentário sobre o post. Sempre respondo comentários e retribuo visitinhas e seguidores do meu blog!